Independência e Morte - Helio Franchini Neto

INDEPENDÊNCIA E MORTE

Política e Guerra na Emancipação do Brasil / 1821-1823

Um importante ensaio – que se torna ainda mais relevante pela proximidade do bicentenário da independência do Brasil, em 2022 – faz um panorama da situação sociopolítica nacional, e detalha toda a história da difícil separação entre a colônia e o reino.

No dia 24/09 às 19h o professor Helio Franchini estará ao vivo juntamente com o professor Marcello Bolzan falando sobre este importante livro. Quer ser avisado da live? Preencha o formulário abaixo para receber o convite:


Para compreender o Brasil

A tradicional narrativa de um processo tranquilo e pacífico de independência não tem mais lugar na historiografia, quanto mais se mergulha nesse período e se constata que, em realidade, esse processo foi marcado pela “incerteza, instabilidade e ausência de uma identidade nacional pré-existente”. Ou seja, a “Revolução do Porto deu a largada à disputa entre múltiplos projetos de organização do Reino português, que foram se afunilando na disputa entre as duas capitais. Todas as Províncias foram obrigadas a optar entre as duas e, ao final, em muitas delas permaneceu o impasse, que derivou em guerra”.
Para compreender o Brasil, sua evolução como Estado e a construção de sua identidade, assim como os reflexos que esses elementos possuem em sua política externa, é essencial conhecer o processo que construiu o Brasil como nação independente. O livro do professor Hélio é justamente isso, uma análise historiográfica dos momentos mais cruciais para a formação da nação brasileira, é uma leitura essencial para a compreensão desse desenvolvimento nacional.

Mais sobre o livro

O que estão falando do livro?

Processo Violento

Um processo foi muito mais caótico e violento do que nos ensinaram na escola, envolvendo operações militares que mobilizaram mais de 50 mil soldados.

Compreensão

Uma oportunidade de se “compreender como se construiu um estado que conseguiu manter a unidade do espaço territorial herdado do período colonial”

doratioto

Francisco Doratioto

O livro traz “novas informações e lança luzes esclarecedoras sobre outras já conhecidas, (.) desvendando as articulações entre as dimensões política e militar”.

9543cf7b-cc69-4a65-8b15-d96d1870a540._CR0,0,375,375_UX460_

Marcus André

Livro muito bom, resultado da tese de doutorado do autor que prova como a Independência do Brasil e a construção da unidade do país se deu se maneira violenta no campo politico e militar.

Saiba mais sobre o Autor e Professor

Diplomata e conselheiro

Helio Franchini Neto

Diplomata de carreira, doutor em história pela unb e mestre em ciência política pela usp, com diploma de especialização pelo instituto de altos estudos de defesa nacional (ihedn), da frança, o autor é professor assistente de história da política externa brasileira no instituto rio branco, tendo publicado artigos nas áreas de história brasileira e relações internacionais.